× G&A Comunicação

Highlights

Projeto apoiado pela Brasilprev estimula o conhecimento entre jovens

03/05/2018

Projeto apoiado pela Brasilprev estimula o conhecimento entre jovens

A edição Brasilprev do projeto Área 21 visa proporcionar a jovens da comunidade do bairro de Pedreira, na zona sul da cidade, uma educação consistente, com o objetivo de desenvolver as competências exigidas no mundo atual

Criado pelo Instituto Tellus e apoiado pela Brasilprev, por meio do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Condeca), a Área 21 é um projeto desenvolvido para estimular adolescentes entre 14 e 17 anos a praticar suas habilidades nas áreas de tecnologia e empreendedorismo.

Para incentivar os alunos em torno de temas tão inovadores e dinâmicos, o projeto conta com metodologias de ensino diferenciadas, além da criação e desenvolvimento de um laboratório de criatividade. O espaço foi montado no Centro Educacional Assistencial Profissionalizante (CEAP), ONG que atende jovens em situação de vulnerabilidade social da comunidade do bairro de Pedreira, na Zona Sul de São Paulo, e será inaugurado no dia 04 deste mês.

Cada ciclo do projeto tem a duração de um semestre e a primeira turma já conta com 320 inscritos. Para a viabilização do laboratório de criatividade, os próprios jovens colocaram a mão na massa no processo de concepção, sugerindo ideias para tornar o ensino mais agradável e inovador. Entre as ferramentas que os alunos irão utilizar nas aulas estão equipamentos de realidade virtual e aumentada, impressoras 3D, fresadora a laser e chroma key (parede verde para inserção de efeitos especiais em filmagens).

“No século 21, vivemos a inclusão de diversas tecnologias, e o jovem precisa, acima de tudo, se preparar e aprender a enfrentar novos desafios. É importante que ele não tenha medo de resolver problemas”, afirma Henrique José dos Santos Dias, um dos educadores da iniciativa.

Já com relação à metodologia de ensino, os professores utilizarão técnicas de gamificação e design thinking, para incentivar os alunos a observar problemas e encontrar soluções de maneira criativa. No início do semestre são propostos desafios, e ao fim do período os alunos apresentam um projeto especial, uma espécie de start-up, como símbolo da formatura que é comemorada com familiares, professores e amigos.

Bruno Palhão, gerente de Estratégia e Inovação da Brasilprev comenta: “Buscamos apoiar ações alinhadas a conceitos que permeiam a inovação, educação, geração de renda e qualidade de vida. Com a Área 21, além de contribuir para o desenvolvimento social e oferecer oportunidades de novos caminhos aos jovens, a Brasilprev atua como agente transformador no fomento à atitude de inovar na sociedade, essencial para este mundo em constante evolução”.

 

Tags